Publicado em 29/09/2018 às 19h36 | |

Estilo de vida é fator determinante para a saúde do coração

Profissional do Hapvida fala sobre os cuidados importantes para o dia a dia

 

Diferente da canção que diz, “ah coração leviano, não sabe o que fez do meu...”, nós somos totalmente responsáveis pela saúde do nosso coração. Sendo um dos órgãos mais importantes do corpo humano, existe até mesmo uma data especial para celebrar O Dia Mundial do Coração, lembrada em 29 de setembro. O coração tem a função de bombear o sangue, fazendo com que ele circule por todo o corpo através dos vasos sanguíneos.  

De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a previsão é que o número de mortos por doenças cardiovasculares no Brasil cresça em torno de 250%. Outro alerta importante é que os idosos costumam ser os principais acometidos por essas doenças, com destaque para a hipertensão arterial.

De acordo com o cardiologista do Hapvida, Rogério Moreno, os idosos apresentam tais doenças devido aos hábitos irregulares praticados ao longo da vida, mas o profissional destaca que eles não são os únicos que podem vir a desencadear problemas cardiovasculares. “Qualquer indivíduo que leve uma vida estressante, aliada a maus hábitos alimentares e falta de exercícios físicos, pode desencadear esse tipo de doença”, pontuou.

Prevenção

O profissional destaca que o estilo de vida é a base para a saúde do coração. Uma boa alimentação aliada à prática de atividade física são os pilares no tratamento dessas doenças. “Só tomando o remédio não teremos um bom controle da pressão. É necessário manter os bons hábitos que ajudam em outros aspectos também, como no controle do açúcar, colesterol e uma melhor capacidade respiratória”, concluiu. Vale destacar, que as consultas regulares ao cardiologista precisam ser realizadas, pelo menos duas vezes ano ano.

 

Analú Santos

Tags

sem tags

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Saúde