Curta a nossa página
15/04 10h48 2018 Você está aqui: Home / Cidades Portal Abrantes Imprimir postagem

Encontro discute a emancipação de Vila de Abrantes

No último sábado (14), lideranças e populares se reuniram na Associação São Bento de Buris, em Vila de Abrantes, para discutir a emancipação do Distrito e passar aos moradores as informações atualizadas sobre o movimento. 

Presente no encontro o presidente do Movimento Interdistrital, José Pimentel, conversou com a nossa equipe.  “Sempre é valido lutar pela liberdade e o que buscamos através dessas emancipações é a liberdade, além da autonomia politica, social e econômica desses municípios. Nosso papel é fazer valer a lei que será aprovada. Precisamos continuar lutando para crescer e a nossa palavra de ordem é emancipação já”, disse ele.

Questionado sobre a existência de um segundo grupo da localidade Pimentel esclarece. “O Movimento Baiano Interdistrital de emancipação foi fundado em 14 de maio de 1991 e antecede a toda e qualquer associação posteriormente criada, porém não é por isso que seremos inimigos, se temos o mesmo objetivo estaremos unidos nessa causa, o que não nos obrigar a se associar a outros grupos”.   

Para Francisco Franco, ex-secretário de Camaçari, é preciso ter dados para definir ser favorável ou não a emancipação.  “Estou aqui representando o deputado Caetano e também como morador de Jauá.  O assunto é complicado, mas entendo que precisamos nos pronunciar, se economicamente terá condição é uma possibilidade. Precisamos de dados e a partir dai vamos dizer claramente a nossa posição”, concluiu.

Amaro Bonfim, morador da localidade à 66 anos, vê a emancipação como positiva. “Abrantes hoje um Distrito esquecido, roubado e sem seus direitos reconhecidos, tem total condições de sobreviver com seus próprios recursos e por isso eu aprovo a emancipação. Quando soube que esse movimento foi retomado eu prontamente vim dar o meu apoio e quero deixar claro que não é com interesses pessoais e de grupos que conquistaremos o nosso objetivo. Gostaria de convidar todos os moradores do Distrito para que venham dar seu apoio e tenhamos melhores condições de vida”, falou ele.

“Santo Amaro já teve cinco emancipações: Terra nova, Teodoro Sampaio, Amélia Rodrigues Conceição do Jacuípe e Saubara, nenhum deles está pior do que era antes, todos melhoram consideravelmente, por isso acho justa a emancipação. Lutamos para que haja uma lei que permita que as populações decidam sobre emancipar ou não”, disse Genebaldo Correia, ex-prefeito de Santo Amaro.

“O que determina o desejo de emancipação não é só a falta da assistência e sim a necessidade do seu crescimento, acredito que esse desejo é legitimo, democrático e precisa acontecer” Concluiu ele.

No próximo dia 23 de abril, às 14h, emancipalistas de todo estado da Bahia se reúnem na Assembleia Legislativa, localizada no Centro Administrativo da Bahia, para debater sobre o movimento, para participar é preciso se inscrever através dos números (71) 99918-9123 / (71) 98882-7077

Dr. José Pimentel

Genebaldo Correia ex deputado Federal e prefeito de Santo Amaro

Amaro Bomfim, morador nativo de Abrantes


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Notícias relacionadas