Curta a nossa página
14/02 23h18 2018 Você está aqui: Home / Polícia Portal Abrantes Imprimir postagem

Jovem espancado na Graça tem morte cerebral confirmada

Agressor já foi preso e confessou o crime

Infelizmente o jovem Kaique Abreu, espancado na última sexta-feira (09), não resistiu à agressão e teve a morte cerebral confirmada pelos médicos nesta quarta-feira (14).

Segundo informações da família, os aparelhos devem ser desligados nesta quinta-feira (15). O jovem foi agredido na região da Graça, após se perder do grupo de amigos no retorno do carnaval. 

O agressor identificado como Edson Rodrigues, de 26 anos, foi preso nesta quarta, na Capelinha do São Caetano. Edson confessou o crime e afirmou que tinha se envolvido em uma confusão no circuito, estava com raiva e no momento decidiu descontar em alguém.

Ele foi autuado em flagrante e agora responderá por homicídio. O agressor já possui passagem pela Polícia por agressão a ex-companheira e por ter baleado um vizinho.

 

Crime

A polícia apurou que a agressão ocorreu por volta das 3h, da sexta-feira (9), na Rua Manoel Barreto, na Graça. Edson viu Kaique caminhando, sozinho, o agrediu e, em seguida, fugiu em um caminhão. Uma adolescente que passou pelo local minutos depois acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que prestou os primeiros socorros e  encaminhou a vítima para um hospital particular, na Barra.

Na tarde de sexta, familiares do estudante registram a ocorrência na 14ª Delegacia Territorial (DT/Barra) e apresentaram as imagens onde o rapaz aparece sendo ferido. “Câmeras da Secretaria de Segurança Pública (SSP) e do sistema de monitoramento dos prédios daquela rua ajudaram a polícia a identificar o veículo que Edson usou para sair do local”, explicou a delegada Carmem Dolores, titular da 14ª DT/Barra.

Investigação

Uma rede de monitoramento foi articulada, a partir da identificação do veículo utilizado por Edson na fuga. “Esperamos o caminhão voltar ao circuito e o monitoramos até o local onde o proprietário o estacionava”, revelou o diretor do DHPP. Bruno Fernando Ribeiro Batista, 30, além de dono do caminhão, também foi identificado pelas imagens como o condutor do veículo no dia do crime.

No momento da prisão, Bruno estava acompanhado de um adolescente, 17, que também presenciou a ação violenta. Ambos foram conduzidos ao DHPP e admitiram ter visto o momento do crime. O adolescente foi encaminhado à Delegacia para Adolescente Infrator (DAI), enquanto que Bruno vai responder por omissão de socorro e favorecimento pessoal.

Mais dois adolescentes, já identificados, que estavam na companhia de Bruno, serão intimados para prestar depoimento. Edson será encaminhado para audiência de custódia. O caminhão, que foi apreendido, passará por perícia no Departamento de Polícia Técnica (DPT).


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
lista mais

Artigos relacionados