Curta a nossa página
04/11 10h31 2017 Você está aqui: Home / Política Portal Abrantes Imprimir postagem

Ministra dos Direitos Humanos pede aumento de salário e ainda fala em trabalho escravo

O rendimento bruto de R$ 61,4 mil é o objetivo da ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois ao encaminhar para o governo um pedido para acumular o seu salário com o de desembargadora aposentada. De acordo com ela, por causa do teto constitucional, só pode ficar com R$ 33,7 mil, equivalente ao salário de um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).

Ainda no documento, a ministra afirma que “sem sombra de dúvidas” essa situação se assemelha ao trabalho escravo. O caso foi noticiado pelo jornal “O Estado de S. Paulo”.

Durante uma entrevista à rádio CBN, a Luislinda confirmou o pedido e disse que, como ministra tem “representatividade” e precisa se apresentar “trajada dignamente”.

 


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Notícias relacionadas